Dante’s Inferno é um jogo eletrônico do gênero ação e aventura e hack’n slash (descreve a ênfase de combates próximos com armas de curta distância, mais usado para jogos RPG – Role Playing Games). O jogo foi desenvolvido pela Visceral Games e foi publicado pela Eletronic Arts para Xbox 360 e PlayStation 3.

Dante’s Inferno é um jogo muito sombrio, onde cada nível transmite o que há de pior no ser humano. Quando pensamos que não pode ficar pior, o próximo círculo lá está para provar o contrário. O jogo também prima pelo teor sexual, onde defrontamos almas penadas de sedutoras e amantes com os seios à mostra, entre outros pormenores que reflectem um mundo apenas imaginável ao ser humano.

Dante’s Inferno decorre nos nove círculos do Inferno imaginados por Dante Alighieri, ou seja, são as fases que você vai ter que percorrer durante o jogo. O interessante é que cada fase ou círculo do inferno são totalmente diferentes um do outro:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ao longo desta viagem, os jogadores levam Dante numa épica descida ao Inferno, combatendo demónios para reclamar a alma da sua amada Beatrice. Numas incrivelmente rápidas 60 frames por segundo, cada círculo apresenta ambientes completamente diferentes, criaturas totalmente novas, demónios assustadores e elementos da história com bandas-sonoras diferentes que definem a emoção adequada para cada círculo de pecadores.

Dante’s Inferno é uma título livre de qualquer tipo de censura e de qualquer pudor. O tema da religião está fortemente presente e é uma constante no jogo, o que irá, certamente, gerar bastante polêmica. Dante’s Inferno vem contar a história de Dante que, após confrontar o seu destino com a morte, regressa a casa para encontrar o seu pai e a sua amada Beatrice sem vida, com provas de ter ocorrido ali um massacre. É precisamente no momento que Dante se aproxima da sua amada que Lúcifer faz a sua aparição e puxa a alma de Beatrice para o inferno. Sem pestanejar, o protagonista segue-o, numa tentativa de libertar a sua mais-que-tudo das garras de Satanás, que pretende usá-la para poder regressar à terra e conquistar o reino de Deus.

Dante carrega consigo o peso dos seus pecados, numa cruz que ele próprio coseu no seu peito a sangue frio. Nela podemos ver os seus pecados (e não só), que ao longo do jogo serão apresentados através de animações num estilo anime, com um visual bastante apelativo. À medida que começa a nossa descida ao inferno, percebemos o quão bem Dante’s Inferno consegue retratar um sitio onde ocorre todo o tipo de torturas e de dor. Ao longo da nossa viagem iremos ver cenários tenebrosos, desde corpos em chamas a cair para o inferno enquanto gritam de dor, a paredes com almas condenadas que gemem os seus tormentos, passando por corpos com uma réstia de vida empalados em estacas. Tudo muito bem caracterizado, onde o visual e o som proporcionam um ambiente digno de terror.

Comentários