Super Mario Strikers

Super Mario Strikers é um jogo eletrônico de gênero esportivo que inclui várias características e temas da série Mario. Desenvolvido pela Next Level Games e publicado pela Nintendo. Lançado em 2005 para o Nintendo GameCube. Com modos de jogo em um jogador ou multijogadores.

Classificação:

Permitido para todas as idades  CERO (Japão)
Inadequado para menores de 6 anos  ESRB (América do Norte)
Inadequado para menores de 3 anos  PEGI (Europa)

Jogabilidade:

O combate durante as partidas, apresenta aspectos e objetivos básicos de como é uma partida de futebol. No campo, não há a presença dos árbitros, ou seja, se torna partida de futebol sem as regras, assim, os personagens podem bater e atacar seus oponentes de forma legítima, fazer de tudo para vencer a partida.

O capitão de cada equipe tem a capacidade de realizar um “Super Strikers”, que é realizado em um ritmo adequado, gerando pontos extras para a equipe. Além do capitão, que é representado por um personagem principal, há mais três figuras secundárias, que são os companheiros do time.

Kritter é o goleiro padrão para todas as equipes, porém, no modo de jogo “Super Team”, Kritter junto com os jogadores companheiros, são exceções, eles são substituídos por robôs, e assim, o goleiro é uma versão robótica de Kritter.

Os capitães, em relação aos parceiros de time, possuem diferentes graus de jogabilidade, indicando que seus atributos desportivos podem diferir em equilíbrio, defesa, e que permite combinações de equipamentos.

Super Mario Strikers apresenta sistema tático semelhante aos outros jogos do mesmo gênero, e que inclui a capacidade dos jogadores correrem, enfrentarem os adversários, e que fazem de tudo pelo domínio e posse de bola. Entretanto, os jogadores podem acertar os oponentes, tanto com ou sem a bola, para se defender, esta técnica é chamada de “big hit”.

Modos de Jogo:

No jogo, contém alguns modos de jogo, que são:

Grudge Match: Modo padrão para as partidas, tanto para modo um jogador ou multi jogadores.
Strikers 101: Sessão de treinamento.
Battles Cup: Une até quatro jogadores para competirem em torneios.
Super: Modo com as condições mais alta de complexidade nas categorias dos campeonatos.

Recepção:

O jogo recebeu pontos positivos, com boa recepção e boas notas. Garantiu um alcance média de 76% na GameRankings. No geral, os críticos elogiaram a acessibilidade e o modos de jogo, como também mencionaram a falta de mais opções de jogo, e uma maior diversidade ao modo de um jogador.

A GameSpot, quanto ao seu sistema de controles, menciona: “Strikers te permite assumir o controle e começar a jogar de imediato”. Da mesma forma, os críticos dão pontos positivos, pela escolha das regras tradicionais do futebol, em favor da criação de um sistema de jogo semelhante ao arcade.

Os seguintes resultados, foram: A Electronic Gaming Monthly deu nota 7 de 10. A Eurogamer deu nota elevada, sendo de 8 de 10. A Game Informer garante uma nota um pouco mais baixa, sendo de 6.75 de 10. A GameSpot deu a nota para o jogo, de 7.2 de 10, que quase foi a mesma nota da IGN, que garantiu nota de 7.6 de 10.