International Super Star Soccer Deluxe

International Super Star Soccer
International Super Star Soccer

Vamos relembrar do International Super Star Soccer Deluxe, este clássico dos esportes de Super Nintendo, quando tínhamos o melhor jogador da seleção brasileira de todos o tempos, Allejo.

International Super Star Soccer é uma série de jogos de futebol produzida pela Konami. Que já desenvolve jogos esportivos desde o inicio dos anos 80, o primeiro jogo de futebol criado pela empresa foi em 1985. Esse título recebeu uma seqüência em 1991, Konami Hyper Soccer (NES). Ambos de sucesso limitado e bem conhecidos ao grande público e viviam com os concorrentes Kick-Off, Matchday e Goal! (Jaleco). Em 1994 a Konami decide entrar novamente no mercado de videogames de futebol. O sucesso da copa de 94 e liga japonesa de futebol (J-League) fez com que a empresa iniciasse desenvolvimentos que prometia um jogo no gênero para o Super Famicom: Perfect Eleven.

Em novembro de 1994 a empresa lança Jikkyou World Soccer Perfect Eleven, este jogo trazia detalhes nunca visto antes em jogos de futebol aos consoles de 16 bits. Apesar de não conter nomes reais dos jogadores, eles foram baseados naqueles que estiveram em campo na copa de 94, cada um com seu estilo e com números correspondentes aos uniformes, E este foi o primeiro jogo do gênero a incluir narração dos lances. Outra inovação foi o modo Scenario (em que jogavam desafios em condições adversas para conseguir a vitória nas partidas).

Perfect Eleven vendeu perto de 280 mil cópias no Japão. Com este sucesso de vendas, motivou seu lançamento nos mercados ocidentais. E em junho de 1995, chegara as lojas dos Estados Unidos e Europa, que apresentou-se então: International Super Star Soccer.

Uma continuação: Jikkyou World Soccer 2 Fighting Eleven foi lançado em setembro de 1995 no Japão. E ainda no mesmo ano foi lançado International Supper Star Soccer Deluxe no Ocidente. Esta seqüência incluiu mais opções de seleções a escolha do jogador, novas animações, jogabilidade mais fluida, novos detalhes (uniformes semelhantes aos reais), mais estádios e a presença de auxiliares em campo. Desta vez no Japão, a venda ficou timida, reduzindo a 160 mil cópias, mas configurou mais vendas na Europa por vários meses. E seu sucesso na América motivou a criação de versões “hack” em campeonatos: argentino, brasileiro, colombiano, equatoriano e peruano.

Uma afirmação entre 1996-2000, Konami começou a usar os gráficos poligonais, com jogos nas versões de PlayStation (que seria uma continuação das séries feitas ao Super Nintendo) e também International Super Star Soccer 64 e International Super Star Soccer 98, lançado ao console Nintendo 64. E nos anos de 2000-2003, teríamos então um jogo da série semelhante a versão de Nintendo 64, lançado para PlayStation 2, contendo melhorias gráficas.

International Super Star Soccer 3, lançado em 2003, é o último jogo da série, que veio com novidade como o Mission Mode (onde é preciso cumprir pré-requisitos para liberação de times e jogadores. International Super Star Soccer é considerado predecessor espiritual de Pro Evolution Soccer, responsável pela introdução de conceitos que manteriam a Konami forte nos jogos do gênero.