Street Fighter

street-figther
street-figther

STREET FIGHTER, considerado pot muitos o “pai dos games de luta” ou o “mestre dos games de luta”. Este game é bem conhecido abreviadamente como SF.

O jogo é popular pelo fato de que o jogador controla lutadores que são espalhados por todos cantos desse mundão e que cada lutador do game tem seus próprios golpes especiais.

Se torna o mestre dos games de lutas, pois é obra da CAPCOM (sabe bem o que faz né?) e seu primeiro game lançado foi em agosto de 1987 (que boa coincidência, foi quando eu nasci, então, eu trouxe os games, imagino que agora meu apelido seja Capcom, hehehe.)

Depois disso, algumas séries são integradas a Street Fighter assim como: Final Fight e Slam Masters.

Os primeiro jogos de luta vieram pela SEGA e DataEast. Depois a Konami com gráficos impressionantes (para a época) e cheio de detalhes nos cenários. Vendo o sucesso das empresas, a Capcom decidiu lançar seu próprio jogo que tivesse características entre os jogos, assim nasceu Street Fighter.

STREET FIGHTER fez pouco impacto em seu lançamento, porém, seus controles eram inovadores, com 1 joystick e 2 botões hidráulicos, que dependendo da força davam potência diferente ao golpe, como geralmente se batia com muita força, foram trocados pelos 6 botões que se tornaram tradição na série, que ficariam com Ryu e Ken pelo resto da série.

Uma coisa que eu, JT gamer, vou dizer, que podem até chocar a alguns e também pra quem já sabe deste detalhe, desconsidere esta informação. Sagat era o Boss em Street Fighter 1 e nao tinha a cicatriz.

Em Street Fighter 2 continuávamos com os protagonistas Ryu e Ken e foram acrescentados mais alguns dos mais conhecidos lutadores: Blanka, Zangief, Dhalsim, Guile, E. Honda, e Chun-Li, e os chefes:
Sagat, que aparecera no jogo original; Mike Bison, Balrog, e Vega e logo mais em uma edição Super SF, com: T.Hawk, Dee Jay, Feilong, Cammy.

Por sinal, os três chefes “novatos” tiveram seus nomes alterados fora do Japão:
(o boxeador afro-americano era chamado M. Bison, parodiando Mike Tyson para evitar processo, a Capcom rebatizou-o como Balrog,
que era o nome do toureiro espanhol rebatizado Vega que era o nome do chefe final, esse batizado como M. Bison)