Agatha Baker é um personagem que pertence ao modo online da série Grand Theft Auto (GTA). Introduzido na atualização como uma gerente no The Diamond Casino & Resort e como uma personagem principal.

As missões em que ela aparece são todos no cassino, sendo: “Loeng Cheng”, “Manutenção da Casa”, “Táticas de Braço Forte”, “Jogue para Ganhar”, “Bad Beat” e “Saque em Dinheiro”. Além disso, ela presta serviço de atendimento de telefone e serviços de Limusine ou outros veículos de luxo.

Há boatos de que Agatha entende bem a língua chinesa, como ela pode entender o personagem Tao Cheng sem a ajuda de tradução, e ainda, corrige o seu tradutor na cena em que o jogador entra pela primeira vez na cobertura.

Biografia:

Agatha Baker é formada em MBA (estudos online), e leva muito a sério o seu trabalho como uma gerente em um cassino. Ela permanece profissional ao lidar com os associados. Porém, com a sua própria equipe, ela aparenta ser franca ou ofensiva. Conhecida como “Caçadora de Bolas” por Avery Duggan (líder de uma família magnatas), pois ela não deixa ser intimiada pelos Duggans ao encontrá-los no Casino: Strong Arm Tactics.

Quando o assunto se trata sobre atividades violentas e que apresente desgosto, Agatha demonstra a sua preocupação por estar ligada nessas situações, ainda mais, quando é preciso se encarregar de matar alguém. No entanto, ela não demonstra interesse em usar a violência para atender a essas necessidades (isso é mostrado na missão Casino Work: Fake News), do qual, ela denomina de “incrível” quando um repórter crítico é violentamente agredido.

Personalidade:

Agatha Baker é uma mulher que trata de negócios, tenta se afastar de atividades criminosas sem querer ser vista envolvida nessa situação, mesmo que, ela acompanha a situação para se aproveitar de compras e vendas. Em certo momento, é possível ver Agatha se tornando mais tolerante e apreciativa pelas atividades, achando que é eficaz do que envolver as autoridades.

Mesmo que ela não aceite atos que sejam violentos, em um momento, ela pede ao protagonista para dar fim de uma vez, a ponto de matar alguém se for capaz. E isso se opõe ao seu diálogo habitual, envolvendo negar exatamente o que ela está pedindo. E ela demonstra estar satisfeita com o que aconteceria com a pessoa (isso se trata ao repórter crítico em uma das missões, no que resulta a sua morte).

Galeria: