Chell – Portal

Chell, é uma personagem que pertence ao jogo eletrônico Portal. Ela marca presença nos dois jogos da série.

Documentada como Test Subject #1, do Centro de Enriquecimento Auxiliado por Computador de uma companhia de pesquisa cientifica, a Aperture Science. Se envolve em testes com usos de ferramentas experimentais que posiciona portais por onde transportam os objetos, conhecido testes Dispositivos Manual de Portal.

Durante seus testes, Chell é antagonizada pela Inteligência Artificial e superintendente da GLaDOS (instalação de um sistema computadorizado). Com o Dispositivo Manual de Portal, ela o utiliza tal dispositivo para se livrar dos perigos e escapar das seções da instalação.

História:

Sobre seu passado, se torna apenas mistérios, pouco se sabe dela, mas sim sobre o abandono assim que nascera, que aos poucos fez a sua teimosia de viver, do qual é mencionado inúmeras vezes pela GLaDOS. Além do mais, é dada informação de que Chell foi adotada. Mas tais palavras de GLaDOS servem para distrai-la e chateá-la, no intuito de impedir de alcançar o seu objetivo.

As declarações sobre ser órfã ou ser adotada, se são informações verdadeiras ou apenas boatos, ainda estão em processo de debate. Durante os eventos da sua jornada, supostamente seja esclarecido de que Chell seja filha de um cientista da Aperture Science. Chell danifica a GLaDOS.

Doug Rattmann se encarrega de capturar Chell, para usá-la em outros testes. Mas ela é despertada por Wheatley, e ambos escapam do laboratório e em um processo ao uso para reanimar a GLaDOS, o que servira de ajuda de auxílio na fuga. GLaDOS tenta recaptura-la, mas sem sucesso, mas faz com que Chell aproveite o momento para substituir o núcleo da GLaDOS por núcleos de Wheatley.

Mais tarde, Wheatley se revela como traídor, forçando-a a executar testes prestando serviços a ele. Após anexar os núcleos corrompidos, disparando um portal ao espaço, que o suga. GLaDOS se encarrega de salvar Chell, permitindo ela deixar a instalação por um elevador que a levara para a superfície.

Personalidade:

Chell não é de falar, é considerada uma personagem “muda”. Ela é pensativa sobre seu passado, mesmo que seja um mistério para todos. Mesmo assim, ela se preocupa com quem está ao seu redor, mesmo sem demonstrar tal sentimento.

Ainda que tenha companhia de sistemas de computadores, Chell é paciente na questão de distrações, ela realmente é silenciosa. Mas em compensação, é atenciosa com todos os detalhes.

Chell é uma personagem sã que habita uma dimensão tanto quanto sóbrio e enlouquecido. Ela mostra com facilidade como se adapta nas situações e ao ambiente.

Galeria: