Lucrecia Crescent – Final Fantasy VII

Lucrecia Crescent é uma personagem que aparece na história do jogo eletrônico Final Fantasy VII. Ela aparece no jogo com cenas opcionais, porém, a sua história se estende no título Dirge of Cerberus: Final Fantasy VII.

A sua história em Dirge of Cerberus, baseia sobre o poder da companhia de Shinra, em um departamento de ciência com a investigação sobre Chaos.

História:

Lucrecia prestou os seus serviços para Shinra, ocupando o cargo de assistente ao Grimoire Valentine (o pai de Vincent). Eles descobriram armas que envolvia o planeta usado como fonte de Lifestream. Além desta descoberta, também descobriram uma caverna onde Chaos poderia ser despertado. Sendo assim, Grimoire foi assassinado, e Lucrecia descartou a pesquisa.

Desde então, Lucrecia foi mencionada para exercer os seus serviços no projeto Jenova, junto com os cientistas Hojo e Gast. Enquanto isso, Vincent era um membro dos Turks (Departamento de Investigação Administrativo) que foi designado para proteger os cientistas. Lucrecia reconhece Vincent como filho de Grimoire, e se tornou o seu guarda-costas para atribuir ao seu pai falecido.

Mais tarde, Lucrecia e Hojo mantiveram um relacionamento, do qual, ela engravidou. Hojo aproveitou desta situação, e adicionou células Jenova, ainda em fase de embrião. O que tudo passaria a ser teste para o projeto.

Vincent ao descobrir sobre o que Hojo teria cometido, foi forçado a enfrenta-lo, porém, Vincent não resistiu e acabou sendo morto. Mas Lucrecia decidiu ressuscitá-lo, com a introdução de energia de Chaos em seu corpo. Mas que para reagir normalmente, era necessário usar a Protomateria que ela e Grimoire tinham descoberto.

Lucrecia deu a luz a Sephiroth, porém, mesmo recém-nascido, ele foi levado sem a sua própria mãe, que não pôde vivenciar o momento de segurá-lo em seus braços. Lucrecia tentou suicídio, mas por possuir células Jenova em seu corpo, era incapaz de morrer, e então fugiu deixando a tese de Chaos e Omega para Vincent.

Personalidade:

Lucrecia se sente culpada com tudo o que houve, mesmo com o seu jeito gentil e atencioso, e que logo mais, tendeu a ignorar as realidades da vida.

Por ser uma cientista, ela estaria disposta até em arriscar a sua própria vida para adquirir sucesso em suas pesquisas, podendo até agir com teimosia e com emoções instáveis.

Galeria: