fbpx
muralgamer

Citra – Final Fantasy Brave Exvius

Ela é a nossa Musa-Gamer da semana. Confira:

Citra é um personagem que pertence ao jogo eletrônico Final Fantasy Brave Exvius. Ela faz parte dos Jurados de Paladia, sendo o sexto integrante e estreando no quinto capítulo da primeira temporada, com a missão de destruir os cristais de Lapis. O seu elemento é a Luz e é irmã de Sakura.

No jogo, a Unit Citra pode alcançar como base 7, e possuindo cena CG em seu Limit Burst. Mesmo sendo uma summoner, ela é capaz de usar armas do tipo adaga, cajados, espada, instrumental, chicotes e armas de fogo. E também, podendo usar armaduras pesadas. A sua identidade como Jurados de Paladia é o Veritas of the Light.

Limit Burst:

História:

Citra viveu em Paladia junto com sua irmã Sakura, até que a guerra causou a divisão em duas facções, sendo, Aldore e Hess. Citra e sua irmã deram lealdade a Aldore servindo como principais tenentes da facção como parte dos Jurados de Paladia. Durante a sua missão, Citra desejou se aproximar de Veritas of the Dark, porém, manteve seus sentimentos como um segredo.

Assim que Vlad traiu os Jurados de Paladia levando a batalha para Lapis com a intensão de livrar de qualquer oposição, Citra habitou em Citra sendo vista como um monstro por causa de sua imortalidade, sendo assim, rejeitada por todos habitantes, pois isso não era algo natural para eles. Com tudo, Citra trata-os com desprezo se isolando de qualquer tipo de convivência.

Ao investigar o mundo de Lapis, o grupo encontraram a Biblioteca Mágica, em que eles acreditavam que ali guardava um segredo para retornarem a Paladia. Ao inspecionar um livro, Citra, Cid e Folka em suas formas Veritas foram presos no livro e precisavam derrotar o monstro que os prenderam. Logo mais, eles descobrem que o livro tinha esse poder para registrar os eventos que aconteciam dentro do livro. Citra não gostou ao saber disso e queimou o livro. Sakura aparece e menciona sobre um livro que revela o Portal Interdimensional, que nele revela como eles poderiam retornar. O grupo discute as consequências de usar o portão, Citra concorda com o plano, mas Raegen e Sakura rejeitam o plano e decidem abandonar a ideia, optando por viverem em Lapis. Citra não aceitou a decisão tomada por eles e tenta atacar Raegen, mas não conseguiu vencê-lo e ele não quis revidar aos seus ataques dizendo que não a culpa das decisões.

Citra ao seu sentir desesperada enquanto o grupo mantinham os planos de voltar para Paladia, nesse período de tempo, ela conhece o armeiro Macmendi e Lotti, do qual, ela a vê como uma irmã. Ao conhecer as habilidades de Macmendi com as armas e armaduras, ela considerou a ideia de poupar os dois do potencial genocídio da viagem pelo mundo. Durante as visitas, bandidos tentaram atacar os seus novos amigos com interesses nas armaduras, Citra conseguiu detê-los salvando as suas vidas.

Mais tarde, Citra voltou para a Biblioteca Mágica para saber mais sobre o Portão, e durante as pesquisas, ela descobriu um livro com o conhecimento de Visões. Citra decidiu seguir as intruções e convocou a Visão de Raegen, mas não demonstrava nenhum tipo de ação ou reação. Mas viu Flamelord e Earthlord atacando Darklord, Citra tenta explicar para chamar atenção deles, e apenas viu a batalha entre eles acontecerem. Com tudo, Citra manteve para si mesma essa verdade. Ao voltar visitar Macmendi e Lotti, ela soube que eles foram sequestrados por bandidos, e decide ir em busca deles. Em pouco tempo, Citra os encontram, detem os bandidos, porém, seus novos amigos já estavam sem vida.

Com raiva de ter perdidos as únicas pessoas que eram queridas em Lapis, Citra veste as armaduras se apegando à única esperança que lhe resta, o verdadeiro Raegen, e procura fazê-lo se juntar a ela. Ela viaja até Grandshelt para encontrá-lo, e ele rejeita a ideia por estar vivendo em paz com sua família. Citra tenta convencer a voltar a lutar, no entanto, Sophia aparece dizendo que essa é uma má ideia. Citra seria capaz de enfrentá-los para conseguir seguir com o seu plano de buscar vingança pela perda de quem se tornaram seus amigos e, de ver mundo de Lapis como um lugar bom de viver quanto é Paladia.

Personalidade:

Citra pode aparentar ser dedicada e gentil, mas por outro lado, quando se trata de sua irmã, ela demonstra a sua preocupação e mantendo um laço amoroso pelo Veritas of the Dark. Durante uma missão em Aldore, ela ficou ressentida e vingativa devido a uma infinidade de dificuldades sobre sua própria vida, se sentindo rejeitada por todos por causa de sua imortalidade, e sendo assim, Citra vê aos demais com desprezo. Mesmo com tudo, ela tem a sua parte amorosa, principalmente com sua irmã Sakura. De suas consequências, Citra a vê com pesar e tristeza, mas, nada a faz perder a coragem e firmeza de seguir o seu caminho e, que aos poucos, vai conseguindo criar laços amigáveis com as pessoas.

Galeria:

Visualizações:
88
Categorias da Publicação
MUSAS GAMER